A importância da cultura de inovação para as organizações

Antes de falar sobre a necessidade de se criar uma cultura de inovação, é igualmente necessário entender porque a inovação é importante para as organizações. E, para ficar mais claro, é interessante separarmos a importância da inovação sob dois pontos de vista da organização: o ponto de vista interno e o ponto de vista externo.

Do ponto de vista interno, a inovação…

  • …é responsável pelo crescimento da empresa;
  • …cria postos de trabalho;
  • …cria novos horizontes aos colaboradores;
  • …revitaliza a empresa.

Do ponto de vista externo, a inovação ajuda a enfrentar os desafios relacionados:

  • …à globalização da economia;
  • …ao aumento da concorrência;
  • …à diminuição do ciclo de vida dos produtos;
  • …ao aumento na exigência dos consumidores

Uma organização de sucesso deve possuir uma cultura que propicie sustentação para o surgimento de diversas inovações ao longo do tempo e, caso não tenha uma, é altamente recomendável que se busque criar essa cultura de forma direta e deliberada pois ela não acontece por acaso!

Buscando na literatura encontramos alguns elementos que são fundamentais para se criar, cultivar, fomentar e sustentar uma cultura de inovação. Vamos a eles.

  • Inovação deve fazer parte da visão estratégica:

Todo líder e gestor deve compreender claramente a importância da inovação em produtos e processos e os seus benefícios no médio e longo prazo. A mensagem da inovação deve ser comunicada de forma clara, consistente e frequente.

  • Inovação precisa de um ambiente propício para se desenvolver e se manter:

Este ambiente precisa ser composto por pessoas com conhecimentos interdisciplinares, que facilite a interação informal com a livre troca de informações. Feedback direto e honesto e valorização de erros (desde que não tenham sido intencionais e que tenham gerado aprendizados) também são características desejáveis nesse ambiente.

  • Formar redes de inovação interna e externa:

O novo surge a partir da junção de perspectivas, competências e experiências das mais diversas possíveis. A aplicação de coisas já conhecidas em ambientes diferentes da aplicação comum favorece a inovação.

  • Priorizar o tipo de inovação:

A incremental mantém sua empresa competitiva, já a radical e um novo modelo de negócio podem colocá-la na liderança! Lembrando que priorizar não significa negar um tipo de inovação em detrimento de outro, mas sim balancear os esforços e os recursos que serão empregados em cada um dos tipos.

  • O estímulo a inovação deve ser contínuo:

Promova iniciativas que estimulam o pensamento inovador e proponha desafios a serem resolvidos a partir de uma abordagem inovadora. Faça uso de ferramentas como por exemplo Storytelling, Design Thinking, Human-Centered Design, etc…

  • Defina e implemente um processo de gestão da inovação:

O processo é necessário para gerir (e não para burocratizar) e dar visibilidade sobre como as iniciativas inovadoras estão fluindo para todos na organização: líderes, gestores, colaboradores. A sensação de que a inovação está acontecendo ajuda na formação da cultura de inovação.

  • E… pratique a simplicidade nas ações:

K.I.S.S.! Keep It Simple and Smart

 

É importante ressaltar que a lista acima não é definitiva e não está organizada em ordem de importância, cada um dos elementos pode ser mais ou menos importante dependendo da natureza da organização que está buscando criar uma cultura de inovação. E não podemos desconsiderar que trata-se de um enorme desafio! E como em todo desafio complexo, o segredo consiste em segmentar e priorizar os vários fatores que levam a uma cultura de inovação adequada para cada empresa, tal como: competências, aspectos comportamentais, ambientes, processos, recursos e estratégias.

Para refletir: “As culturas empresariais são diferentes mas todas as boas culturas têm algo em comum: alinham os seus valores com os seus objetivos.”

Por GIULIANO AVILA

Analista de sistemas desde o século XX :-) Curtindo muito o momento de transição que estamos vivendo e procurando contribuir com a era da revolução digital!

Postado em: 24 de abril de 2015

Confira outros artigos do nosso blog

MATERA patrocina Software Experience 2017

05 de outubro de 2017

Caue dos Santos Pereira

Nova diretoria de Inovação e Negócios da MATERA busca parcerias

20 de abril de 2017

Vania Hoshii

Retrospectivas Bombásticas – Keep Talking and Nobody Explodes

17 de março de 2017

Bruno Gonçalves Zanutto

Prato de hoje: Retrospectiva

02 de fevereiro de 2017

André Suman

Deixe seu comentário