Actminds e Razortooth auxiliam Marvell no desenvolvimento do "Classroom 3.0"

A Actminds, em parceria com a Razortooth Communications, empresa especializada em integrações de sistemas, está desenvolvendo a plataforma de software e firmware para o Marvell SMILE Plug, o primeiro plug que possibilita que uma classe de aula tradicional se transforme em um ambiente de aprendizagem altamente interativo. A Actminds foi responsável pelo design e implementação, com o desenvolvimento primário ocorrendo entre o Brasil e São Francisco.

Idealizado pela Marvell, o Plug faz parte de uma nova solução educacional, o “Classroom 3.0”, um ambiente de aprendizado conectado que simplifica e acelera o desenvolvimento da tecnologia para estudantes no mundo todo.

Apresentado na CES 2012, (Consumer Electronics Show), uma das maiores feiras de eletrônicos do mundo, o Plug SMILE foi desenvolvido com base no processador Marvell da série ARMADA 300, e oferece aos professores um ambiente de aprendizagem conectado em rede. Utilizando seus próprios dispositivos, tablets, netbooks ou celulares, esses profissionais terão acesso a um diretório de conexão remota para os acervos de Stanford.

A Razortooth trabalhou juntamente com a Marvell e seus parceiros com o intuito de ajudar na criação a especificação do que deve compor o desenvolvendo do BSP (Board Support Package) e middleware, utilizados na plataforma Plug SMILE. A Marvell planeja disponibilizar a plataforma a nível global na primavera de 2012 dos EUA, outono no Brasil. Embora o preço não esteja definido, a ideia é trabalhar com parceiros e ONGs para assegurar que a tecnologia possa atingir todos os cantos do globo.

Destaques técnicos da plataforma:
– ARMADA (ARMv5-based) Série 300 rodando a 1.6GHz
– 2 portas GigE, 2 portas USB, 1 Porta MicroSD
– 512 MB NAND Flash, 512 MB Ram
– 5V Bateria Lith-Ion para back-up de energia
– ArchLinux para ARM
– Node.js 0.4.12, NPM 1.0 para desenvolvimento de middleware
– Suíte de software de educação SMILE para dispositivos Android
– Plugmin de administração remota para cliente em dispositivos Android

Por MATERA SYSTEMS

Postado em: 13 de janeiro de 2012

Confira outros artigos do nosso blog

REST não é JSON

21 de agosto de 2017

Bruno Sofiato

[Webinar] Profile de aplicações Java com Oracle Mission Control e Flight Recorder

24 de julho de 2017

Danival Calegari

Criando Mocks de serviços REST com SoapUI

27 de junho de 2017

Monise Costa

JavaScript 6: diferença entre var, let e const

09 de maio de 2017

Otávio Felipe do Prado

Deixe seu comentário