Benefícios da utilização de protótipos no desenvolvimento de sistemas

Quando um sistema está sendo desenvolvido, uma das preocupações dos envolvidos no projeto é entender o que realmente o cliente deseja. Isso não é uma tarefa fácil, já que problemas de comunicação podem ocorrer. Uma das formas de confirmar o entendimento é criando protótipos.

Mas o que são protótipos?

Protótipos são representações visuais do produto que está sendo desenvolvido. Podem ser construídos utilizando uma lousa, um papel ou alguma ferramenta (ex. Enterprise Architect, Gui Studio, Balsamic, Axure, Visio, invision, Lovely Charts, gliffy, entre outras).

Há dois tipos de protótipos:

1) Protótipos Descartáveis ou Exploratórios: o protótipo é descartado após a fase inicial de identificação de requisitos;

Protótipo descartável - Fonte: http://blog.locaweb.com.br/wp-content/uploads/2008/12/prototipo.gif

2) Protótipos Evolutivos: a cada nova etapa os protótipos tornam-se mais complexos, incorporando novas funcionalidades e a partir de um determinado momento passam a ser a base para o sistema final.

Protótipo Evolutivo - Fonte: http://i.msdn.microsoft.com/ee413547.figure4(en-us).gif

E quais os benefícios de utilizar protótipos?

– Identificação antecipada de erros e modificações, reduzindo o custo de desenvolvimento;

– Visualização de como será o sistema – proporcionando ao cliente a possibilidade de mudar o que não está de acordo com o desejado logo no início do projeto;

– Identificação de funcionalidades e fluxo: caso algo tenha sido esquecido, é detectado mais rapidamente. Além disso, é eficiente também para a coleta de requisitos de interface, melhorando, inclusive, a usabilidade do sistema;

– Facilitação do entendimento por parte de desenvolvedores e testadores, diminuindo o tempo de desenvolvimento;

– Redução de riscos no projeto;

– Antecipação do treinamento dos usuários;

– Dependendo da ferramenta utilizada para criar o protótipo, é possível gerar códigos que poderão ser aproveitados no desenvolvimento do sistema;

Inserir a fase de prototipação no início do projeto assegura um bom resultado final. É um investimento válido, pois diminui as chances de grandes erros serem identificados tardiamente, gerando um custo alto para o projeto.

 

Referência:

 

http://www.slideshare.net/DanielPSF/prototipao

http://www.blogcmmi.com.br/engenharia/as-vantagens-do-uso-de-prototipos-durante-a-especificacao

http://www.ivogomes.com/apresentacoes/prototipagem-em-papel.pdf

 

Figuras:

 

http://blog.locaweb.com.br/wp-content/uploads/2008/12/prototipo.gif

http://i.msdn.microsoft.com/ee413547.figure4(en-us).gif

Por MATERA SYSTEMS

Postado em: 27 de dezembro de 2012

Confira outros artigos do nosso blog

REST não é JSON

21 de agosto de 2017

Bruno Sofiato

[Webinar] Profile de aplicações Java com Oracle Mission Control e Flight Recorder

24 de julho de 2017

Danival Calegari

Criando Mocks de serviços REST com SoapUI

27 de junho de 2017

Monise Costa

JavaScript 6: diferença entre var, let e const

09 de maio de 2017

Otávio Felipe do Prado

Deixe seu comentário