Será que eu e você nos preocupamos com o próximo?

Sim, o ritmo da nossa vida anda mesmo acelerado, não?! O dia a dia: trabalho, faculdade, casa, filhos, contas, compras, problemas, alegrias, tristezas etc etc etc… Eu não sou diferente de você e nem você é diferente de mim, certo?! Afinal, qual pessoa que não se enquadra em algum desses ítens citados? Impossível, simplesmente impossível.

Mas cá entre nós, você tem dedicado um tempo só pra você meio a tudo isso? Porque eu ainda estou tentando encaixar esse tempo na minha agenda. Sei que em alguns minutos do meu dia eu ainda penso nisso, mas nem sempre consigo consiliar tudo.  Final de semana então, passa muito depressa, né?! Até aqui nenhuma novidade o que estou escrevendo e talvez você esteja concordo com o que está lendo.

Entretando, o ponto chave onde eu quero chegar tem a mínima relação com os dois parágrafos acima, pois quero me concentrar no título “Será que eu e você nos preocupamos com o próximo?” Como você não é muito diferente de mim, e é um tanto difícil arrumar um tempo pra você mesmo, pra eu mesma, fica meio difícil pensar no próximo, claro, eu entendo muito bem. Temos “n” razões para não ajudar o outro, porque temos de nos preocupar conosco, em como vamos dar conta de tudo…

Mas quero te dizer que isso é pra mim e para você, somos meio parecidos! De vez em quando faz bem renunciar alguns prazeres pessoais e ser um pouco solidário com as pessoas. Servir como voluntário em alguma instituição, colaborar com o meio ambiente, dar uma palavra de ânimo, oferecer abraço “gratuito”, sorriso “gratuito”, bom dia, boa tarde, boa noite, bom trabalho, conta comigo, estamos juntos, posso te ajudar? São coisas simples, que fazem diferença tamanha para quem esta precisando… e agora me diz, será que quem está precisando disso não somos nós meio a esse ritmo acelerado? As vezes eu penso que sim…

O que eu quero deixar aqui é: que tal eu e você nos desafiarmos a olhar um pouco pra fora janela, e tentar enxergar aqueles que precisam de nós, acho que não temos nada a perder e antes que você pense “nem a ganhar” te digo que iremos ganhar sim, e iremos crescer e amadurecer mais do que imaginamos, é só experimentar, não custa nada e se custar pode apostar que terá um retorno significante! 😉

Tamiris Cella

Por TAMIRIS FERNANDA CELLA

Jornalista e pós graduada em Serviço Social e Gestão de Projetos Sociais. Materana desde 2011 e aproveitando a oportunidade de exercer o voluntariado por meio da Responsabilidade Social e Sustentabilidade, através do Projeto Gente em Ação.

Postado em: 30 de agosto de 2013

Confira outros artigos do nosso blog

Gente em Ação participa do Grupo de Estudos de Voluntariado Empresarial

11 de junho de 2018

Tamiris Fernanda Cella

Sustentabilidade e seus aspectos multiformes

07 de junho de 2018

Tamiris Fernanda Cella

Agora temos Indicadores de Responsabilidade Social e Sustentabilidade!

28 de maio de 2018

Silvia Zulin

Consciência Ambiental: juntos preservamos a natureza e minimizamos impactos

23 de maio de 2018

Tamiris Fernanda Cella

Deixe seu comentário