Receita Federal para o Mercado Financeiro

SPED Contábil

Geração do arquivo de escrituração contábil digital, conforme layout instituído pela Instrução Normativa RFB 787 de 19 de novembro de 2007 e atualizado Instrução Normativa RFB nº 926, de 11 de março de 2009. O sistema gera as escriturações Livro Diário e Livro Balancetes Diários e Balanços, permitindo que notas explicativas sejam anexadas para envio.

EFD Contribuições

Geração da Escrituração Fiscal Digital a ser utilizada pelas pessoas jurídicas de direito privado na escrituração do PIS/Pasep, Cofins e Contribuição Previdenciária sobre a Receita Bruta. O sistema está integrado à solução MATERA Gestão e pode consolidar dados de sistemas externos.

ECF(e-lalur)

Sistema que permite a apuração, recolhimento e declaração do IRPJ e CSLL. Funcionalidades do sistema:
– O cálculo do IRPJ e CSLL a partir de dados capturados do módulo contábil (MATERA ou externo);
– Parametrização dos ajustes e compensações;
– Integração com módulo contas a pagar MATERA para recolhimento dos tributos e pagamento eletrônico (EDI ou SPB) e emissão de DARF;
– Geração do arquivo ECF conforme instituído pela Instrução Normativa RFB nº 1.353/2013 e Instrução Normativa RFB nº 1.422, de 19 de dezembro de 2013.

DIRF

Declaração de Imposto de Renda Retido na Fonte (DIRF) é a geração de informações sobre IRRF recolhido em meio magnético para envio à Receita Federal. O Sistema de Contas a Pagar da MATERA Systems gera um arquivo no local especificado pelo usuário, seguindo os padrões definidos pela própria Receita Federal. O arquivo gerado pode ser importado pelo programa disponibilizado pela Receita Federal.

e-Financeira

Solução consolidadora das informações dos diversos sistemas da instituição (contas de depósito, investimento, seguro ou previdência e consórcio) que calcula os limites de reporte e gera as informações para a Receita Federal do Brasil.

Principais características:

– Solução desenhada e homologada para operar com grandes volumes de dados, permitindo paralelização da assinatura e envio das mensagens.

– Permite o agendamento/automação das tarefas do e-financeira conforme fluxo configurado pelo usuário;

– Integração nativa com sistemas da MATERA para captura de movimentação financeira;

– Camada de integração para captura de dados de sistemas de terceiros;

– Importação de XML no padrão e-financeira para consolidação;

– Gestão dos dados do Declarante e dos Patrocinados, permitindo o primeiro envio, a exclusão de eventos e a retificação;

– Gestão dos dados dos Períodos de Reporte e dos Movimentos Financeiros, permitindo o primeiro envio, a exclusão de eventos e a retificação;

– Cadastro de medidas judiciais das contas;

– Geração dos lotes de envio para: Declarante, Patrocinado, Abertura de período, Movimento financeiro, Fechamento de período, Exclusão de evento e Exclusão e-Financeira;

– Assinatura dos lotes e envio com certificado dos modelos A1 ou A3.

EFD ReInf

Solução consolidadora das informações dos diversos sistemas da instituição (contas a pagar, faturamento e renda fixa) e gera as informações para a Receita Federal do Brasil conforme mensagens do REIN.

Principais características:

– Solução desenhada para operar com grandes volumes de dados, permitindo paralelização da assinatura e envio das mensagens

– Integração nativa com sistemas da MATERA

– Camada de integração com sistemas de terceiros

– Assinatura dos lotes e envio com das mensagens para a Receita Federal com certificado dos modelos A1 ou A3.

Informes de Rendimento

Os Informes de Rendimento são tratados através do sistema de Informes Legais da MATERA Systems, que gera as informações exigidas pela Receita Federal. Dentre as principais funcionalidades, destacamos:
– Permite inclusões e alterações manuais das informações;
– Permite a geração dos dados analíticos e consolidados;
– Gera relatórios para PF e PJ;
– Permite o cadastramento do Declarante (DIRF);
– Gera arquivo da DIRF.

MANAD

Geração do arquivo de auditoria fiscal MANAD versão 1.0.0.2, conforme Instrução Normativa SRP 12/2006. O arquivo contempla os dados contábeis da instituição (dados da instituição, contabilista, plano de contas, centros de custo, tabela de históricos, saldos mensais, lançamentos do período e saldos antes da transferência de resultados).

IN86

Geração dos arquivos de auditoria fiscal definidos pela Instrução Normativa SRF nº 86, de 22 de Outubro de 2001. O sistema gera:
– 4.1.1. Arquivo de Lançamentos Contábeis;
– 4.1.2. Arquivo de Saldos Mensais;
– 4.2.1. Arquivo de Fornecedores/Clientes;
– 4.3.1. Arquivo Mestre de Mercadorias/Serviços – Notas Fiscais de Saída ou de Entrada Emitidas pela Pessoa Jurídica;
– 4.3.2. Arquivo de Itens de Mercadorias/Serviços – Notas Fiscais de Saída ou de Entrada Emitidas pela Pessoa Jurídica;
– 4.3.3. Arquivo Mestre de Mercadorias/Serviços (Entradas) – Emitidas por Terceiros;
– 4.3.4. Arquivo de Itens de Mercadorias/Serviços (Entradas) – Emitidas por Terceiros;
– 4.3.5. Arquivo Mestre de Notas Fiscais de Serviços Emitidas pela Pessoa Jurídica;
– 4.3.6. Arquivo de Itens de Notas Fiscais de Serviços Emitidas pela Pessoa Jurídica;
– 4.4.1. Arquivo de Exportação;
– 4.4.2. Arquivo de Importação;
– 4.5.1. Arquivo de Controle de Estoque;
– 4.5.2. Arquivo de Registro de Inventário;
– 4.7.1. Arquivo de Cadastro de Bens;
– 4.9.1. Arquivo de Cadastro de Pessoas Jurídicas e Físicas;
– 4.9.2. Tabela de Plano de Contas;
– 4.9.3. Tabela de Centro de Custo/Despesa;
– 4.9.4. Tabela de Natureza da Operação;
– 4.9.5. Tabela de Mercadorias/Serviços.

* As informações acima são um resumo da solução. Entre em contato para receber o material completo.